Congresso Nacional de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde recebe trabalho até 28 de agosto

 

A submissão de trabalhos científicos para o I Congresso Nacional de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (Congrepics) e o III Encontro Nordestino de PICS, que serão realizados em Natal/RN no período de 12 a 14 de outubro de 2017, encerra no dia 28 de agosto de 2017. As normas para o envio dos documentos estão no site oficial www.congrepics.com.br.

Com o tema “Por uma Nova Cultura de Cuidado”, os eventos possuem cinco eixos temáticos para envio dos documentos na modalidade pôster. São eles:

1 – PICS na atenção à saúde: Práticas Terapêuticas na Atenção Básica, Média e Alta complexidade; Gestão do Cuidado; Racionalidades em saúde; Processo de trabalho com PICS na Rede de Atenção; Modelos de atenção; Sistemas Complexos de Cuidado; Ética do Cuidado.

2 – As PICS no contexto da Educação: Formação em PICS (Graduação e pós-graduação); Educação Permanente em Saúde; Educação Popular em Saúde; Educação na Saúde; Informação e Comunicação em PICS; Inter e transdisciplinaridade em saúde; Metodologias e Práticas pedagógicas em PICS.

3 – Gestão e financiamento das PICS no SUS: Política de PICs e Políticas parceiras transversais (PNH, PNEPS, PNPS, PNSM); Planejamento, controle social e gerência de serviços em PICS; Economia-orçamento e finanças em PICS; Avaliação e Monitoramento em PICS.

4 – Pesquisa e produção do conhecimento em PICS: Epistemologia em PICS; Paradigmas norteadores das PICS; Pluralidade científica; Pesquisas qualitativas, quantitativas e híbridas em PICS; Laboratórios de PICS; Observatórios de PICS; Estruturação de Rede em PICS; Métodos e instrumentos de Pesquisa em PICS.

5 – Cultura popular, tradição e espiritualidade em PICS: Subjetividade e intersubjetividade em saúde; Multidimensionalidade e complexidade humana; Diversidade de sentidos do processo saúde-doença; Crenças; costumes; Cosmologia; Saberes e práticas não institucionalizadas; Espiritualidade na saúde; Tradição no cuidado.

O I Congrepics e o III Encontro Nordestino de PICS reunirão alunos de nível técnico, graduação e pós-graduação da área da saúde, além de profissionais, professores e pesquisadores com o objetivo de proporcionar um ambiente de construção de conhecimento Inter e Transdisciplinar da Saúde, promovendo o diálogo entre participantes com formações distintas e diversificadas; transitando tanto pela educação nos diversos níveis de ensino como também com usuários e lideranças de comunidades tradicionais.

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte e o Centro Multidisciplinar de Estudos e Pesquisas (CEMEP) são os realizadores dos eventos.

PICS na UFRN –  A Universidade Federal do Rio Grande do Norte tem envolvimento com as Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS) desde 2010, quando iniciou a primeira turma do curso técnico em PICS na Escola de Saúde da UFRN. A Instituição também possui docentes envolvidos com a pesquisa e a extensão no campo das PICS em outros setores, como o Departamento de Saúde Coletiva, que fortalece o diálogo e apresenta as PICS à comunidade acadêmica e externa.

Política Pública – No âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPICs) incorporou ao texto novos tratamentos que utilizam recursos terapêuticos baseados em conhecimentos tradicionais, permitindo a oferta aos usuário do SUS das práticas de  Homeopatia, Medicina Tradicional Chinesa/Acupuntura, Medicina Antroposófica, Plantas Medicinais, Fitoterapia,Termalismo Social/Crenoterapia, Arteterapia, Ayurveda, Biodança, Dança Circular, Meditação, Musicoterapia, Naturopatia, Osteopatia, Quiropraxia, Reflexoterapia, Reiki, Shantala, Terapia Comunitária Integrativa e Yoga.

Em nível local, a Política Estadual de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PEPIC), criada em 2011, bem como a relação com a Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Norte (SESAP) e a Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS), vem fortalecendo as ações e a inserção destas práticas no Sistema Único de Saúde e também na rede privada.

cartaz-grande-congrepics